Um Reencontro Entre Almas

Por Joyce Eliza em 6 de Maio, 2018

Assim como a minha viagem para a Índia em janeiro de 2017 foi uma abertura maravilhosa de ano,  também aconteceu com a viajem para Juiz de Fora em Minas Gerais, em janeiro de 2018, para encontrar a querida amiga irmã Érica Lima. Vou contar para vocês como esse encontro mágico aconteceu, e refletir sobre como nada, absolutamente nada, acontece por acaso. Um verdadeiro reencontro entre almas.

Conheci a Érica logo que comecei com o canal no ano de 2016, quando recebi um e-mail dela falando sobre algumas questões que ela enfrentava na época em decorrência da criação do seu canal. Lembro exatamente do momento em que atualizei a minha caixa de e-mail e vi o nome dela no remetente da mensagem. Pronunciei num sussurro “Érica Lima” e me pareceu tão familiar. Senti uma sensação que ainda não sabia explicar e subitamente abri a mensagem para ler do que se tratava.

Enquanto lia a mensagem, sentia uma empatia grande tomar conta de mim. Respondi com toda a atenção e esperei ter ajudado de coração. Pouco tempo se passou e ela retornou; começamos a nos corresponder por e-mail, depois trocamos o whatsapp e então viramos amigas; virtuais mas ainda assim grandes amigas. Trocávamos experiências, sonhos, problemas, conselhos… Eu realmente sentia que o nosso re-encontro virtual não havia sido por acaso. E com certeza não foi.

Algum tempo se passou e começamos a desenvolver um trabalho juntas, o Podcast Somos Todos Mestres; uma ideia que nasceu da vontade de compartilhar as altas conversas e trocas que tínhamos nos bastidores. Eram conversas tão enriquecedoras e cheias de amor que sentimos uma vontade enorme em compartilhar com outros. O projeto contou também com a ajuda e inspirações de outra grande amiga nossa, a Cris do canal Cosmos Interior.

No final de dezembro de 2017, Érica anunciou sua vinda ao Brasil. Atualmente ela mora na Finlândia e todo ano retorna ao Brasil para visitar a família. Assim que ela me deu a notícia eu senti que essa seria uma oportunidade para finalmente poder nos abraçar fisicamente. Então organizamos tudo e no dia marcado, após mais de 10 horas de viagem de ônibus pudemos nos abraçar fisicamente! O encontro foi emocionante e ficará guardado nos nossos corações.

Passamos três dias juntas, entre conversas e compartilhamento de experiências. Sempre tínhamos algo para refletir sobre a vida, a espiritualidade, as sincronicidades… A sensação que tinha era de total reconhecimento. De fato nos conhecemos em algum lugar do passado e agora acontecia o reencontro. Foram dias maravilhosos.

Quando repenso tudo o que aconteceu depois de ler aquele e-mail, entendo como a vida e o universo conseguem nos surpreender de formas lindas e inesperadas. A sensação que tive ao ler o nome da Érica, foi muito forte e real! Dentro de mim, eu já sabia que estávamos predestinadas a nos encontrar nessa vida, não somente para que a amizade fosse retomada, mas também para contribuir com um lindo trabalho juntas.

Deixe seu comentário